O período de renovação

O século XVIII pode ser considerado como o principal causador não só da ruptura do mundo medieval, mas da nobreza em si, da antiga “classe social”, da diminuição do poder da Igreja. Em contraste com a nobreza detentora de uma política imensa, mas de pouco empoderamento econômico, temos a burguesia com sua enorme capacidade econômica, mas com pouco destaque na área da política, o que causou certo desequilíbrio entre essas tais classes sociais. Classe Social entre aspas na Idade Média, porque ao certo nunca existiu de fato uma naquele tempo. Se você nasce guerreiro, morre guerreiro, se nasce clérigo, morre clérigo, se nasce camponês, morre camponês, ou seja, se naquela sociedade você nascesse com uma determinada função, deve cumprir tal função até o fim de sua vida, sem ao menos ter a possibilidade de mobilização social. A Igreja teve seu poder diminuído por vários motivos, entre eles estão: Reforma Protestante, crescimento da razão (principalmente neste século conhecido como o século das Luzes), ascensão da burguesia, queda dos feudos e o antropocentrismo. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s